Laserterapia

O que é a Laserterapia

O termo LASER é uma sigla em inglês (Light Amplification by Stimulated Emission of Radiation) que significa Amplificação da Luz por Emissão Estimulada da Radiação.

 

A luz é uma forma de energia eletromagnética, mais especificamente uma onda eletromagnética. A luz branca emitida pelo sol abarca vários comprimentos de ondas diferentes. Cada comprimento de onda corresponde a uma cor. As cores com propriedades terapêuticas mais usadas são azul, vermelho e infra-vermelho.

 

A Laserterapia é um método terapêutico desenvolvido a partir de 1960 que utiliza a luz vermelha e infra-vermelha. Ao ser aplicada no corpo a luz absorvida agirá nos tecidos (sangue, músculos, pele, etc.) estimulando células, diminuindo a produção de prostaglandinas inflamatórias, gerando vasodilatação na microcirculação, entre outros efeitos.

 

Na Rússia vários experimentos foram feitos descobrindo-se que a luz produz ação analgésica e antiinflamatória, diminui edemas e fibroses, estimula a cicatrização e a produção de colágeno, etc. Se a luz for aplicada no sangue por dispositivos intravenosos esses efeitos são distribuídos por todo o organismo.

Como funciona a Laserterapia

No Brasil foi criada uma técnica na qual a luz vermelha é aplicada sobre a pele para irradiar o sangue gerando os inúmeros benefícios observados com o método intravascular. O laser é colocado mais comumente no punho sobre a artéria radial.

 

Assim, a Laserterapia não é invasiva, não causa dor e pode ser utilizada em pacientes de qualquer idade, gerando efeitos benéficos rapidamente.

 

Por atuar em todo o organismo promovendo efeitos antiinflamatórios, analgésicos, antioxidantes e melhorando a microvascularização, a Laserterapia pode trazer benefícios em qualquer tratamento tanto por uso isolado como associado a outras terapias.

Indicações da Laserterapia

 

Após a avaliação médica, podem ser indicados outros tratamentos e/ou terapias em conjunto com a Laserterapia a fim de proporcionar melhores resultados.

 

Conheça também a Ozonioterapia e a Terapia Quântica.